Acabe com as brechas na segurança com o PMP!

Depois do ataque ransomware WannaCry, agora é a vez do vírus conhecido como Petrwrap - uma versão modificada do Petya que ataca de maneira semelhante ao WannaCry, que abalou diversas empresas ao pedir um resgate pelos dados que foram critptografados.

Para se proteger, nossos clientes que utilizam o COMPAREX Portfolio Management Plataform conseguiram reagir e se prevenir contra quaisquer danos do ataque anterior.

Nossa solução de gestão de portfólio de software ajuda a fechar brechas de segurança causados por instalações de software desconhecidos ou mal gerenciadas, como o caso de sistemas operacionais desatualizados. Essas questões podem ser especialmente perigosas pois oferecem um ponto de entrada para possíveis ataques cibernéticos, como já vimos anteriormente.

O PMP analisa o portfólio de softwares da sua empresa, detectando quais programas estão instalados em quais equipamentos. Um dos pontos mais importantes é o saber quais patchs estão sendo executados e a comparação com qual é a última versão disponível. Dessa forma, o PMP detecta quais softwares não recebem mais suporte, como o Windows XP. Isso não apenas contribui para aumentar a segurança de informação da sua empresa, mas como ajuda a consolidar o seu portfolio, diminuindo gastos com versões desatualizadas e softwares não utilizados.

Todas as informações sobre o estado atual dos softwares da sua companhia são apresentadas através de uma dashboard clara e intuitiva. Uma vez que a plataforma detecta uma inconsistência de updates, o serviço completamente automatizável garante que todos os sistemas sejam com as atualizações em dia, usando uma ferramenta de deployment.

Usar o PMP é uma medida eficiente para diminuir as possibilidades de uma invasão cibernética nos seus dados, como o amplamente discutido WannaCry e agora Petrwrap. Nas últimas semanas, esse ataque deixou muitas companhias internacionais paralisadas, chocando o muito corporativo. 

Esse vírus tinha como alvos os dispositivos que utilizavam versões do Microsoft Windows com patchs de segurança insuficientes e desatualizados. Conseguiam dessa forma invadir as bases de dados e computadores, ameaçando máquinas em mais de 100 países, bloqueando acesso e sequestrando os dados daqueles que não cumpriam as demandas – uma recompensa financeira por máquina, que caso não fosse atendida, teriam seus dados deletados.

 

Contate o nosso time de especialistas na COMPAREX para saber mais como você pode garantir a segurança e proteção que a sua empresa precisa.

Ligue agora: 0800 014 0505

Seu contato