Software pirata nunca mais!

Quando os softwares chegaram ao mercado, nos acostumamos com as licenças em CDs e DVDs, sendo palpáveis, visíveis e tangíveis. Mas esses dias se foram – chegamos a era do cloud, onde qualquer pessoa ou empresa pode fazer o download das ferramentas que necessita.

Como não é mais possível “tocar” aquele material físico contendo as licenças, as definições de roubo de propriedade intelectual foram atualizadas – E a instalação, distribuição e uso de qualquer software pirata configura crime.

O artigo 9 da lei 9.609/1998 determina que o uso de softwares no Brasil precisa ser regido por um contrato de licença. Sendo assim, todo usuário com acesso à ferramenta ou sistema, precisa ter uma licença única.

 

Nos últimos anos, os fabricantes intensificaram as fiscalizações e auditorias podem ser feitas sem aviso prévio. Sem contar os riscos de segurança que seus arquivos correm, já que qualquer instalação irregular pode abrir portas para vírus e invasões.

Além da questão moral, o uso ilegal de softwares traz diversos riscos e o barato pode sair muito caro, trazendo dores de cabeça e prejuízo em formas de multa, indenização e até prisão.

Caso a sua empresa não esteja em dia com as licenças, nós podemos ajudar e garantimos: o investimento para regularizar será bem menor do que possíveis prejuízos.

Seu contato